“Se você cansar, aprenda a descansar e não a desistir”

Meu pai sempre dizia que qualquer coisa que eu escolhesse começar em minha vida, teria um início, as partes chatas, as pessoas difíceis, os altos e baixos, e momentos que eu até pensaria em desistir. O ser humano é mesmo assim. Tudo o que começa na vida, começa sempre com um forte entusiasmo, aquela paixão que faz erguer montanhas, mas com o tempo, as coisas vão ficando estáveis e como sempre queremos mais, depois de curtir a realização de um sonho, vem a paz, e em seguida, o tédio. E com ele, novas oportunidades. Sempre que estamos num momento de questionamentos, pensando em desistir, é aí que a mágica acontece. A vida é feita de ciclos. A gente imagina, sonha, coloca o planejamento no papel, encontra os meios para realizar e começa a agir. Depois de um tempo trabalhando para a realização, as coisas começam a acontecer, e elas acontecem muito rápido se você está no fluxo, alinhado com a sua verdade. Agora se você apenas está levando a vida, e esse seu trabalho que não tem prazer em fazer, as coisas vão demorar a acontecer e talvez nem aconteçam. E se acontecer, a realização não te fará feliz.
Na verdade, nós nunca desistimos. Risque essa palavra de seu dicionário. Desistir no literal da palavra não seria então deixar de existir ? Pois é, e nós, seres humanos sempre queremos mais. A gente nunca desiste. Apenas abandonamos velhos padrões, deixamos pra trás o que já não nos serve mais. É um processo lindo. Dá pra se comparar até mesmo com o processo de uma borboleta, antes mesmo de ser borboleta, dentro de seu casulo. Nós estamos sempre nos transformando, e é exatamente por isso que descansar é tão importante quando você não está satisfeito com algo, em qualquer área de sua vida. Porque depois do descanso você saberá o que você realmente quer, ou pelo menos terá certeza de que aquilo que você estava fazendo, não te completa mais. Pode ser que você descubra que era apenas cansaço fisico ou emocional. É normal que o entusiamo seja maior no início de um projeto, de uma carreira e até de um relacionamento. Mas, sinceramente quando você realmente gosta do que faz, quando a paixão passa, o amor chega, e aí você se torna plenamente fiel e nunca perde o entusiamo. É claro que tem dias que não queremos nada. Apenas descansar, estar com a nossa família, amigos, ou com a gente mesmo. Tá tudo bem! (risos) Mas, o que acontece é que quando fazemos o que amamos mesmo, não temos paixão pelo fim de semana e ódio pela segunda feira. Os dias se tornam iguais. E sempre que amanhece, você se pega pensando em como é bom ter mais um dia pra se fazer o que ama. E até nos momentos de descanso, ou viagens você não se desconecta, e sabe porque ? Porque está exatamente aí o seu propósito.
É importante fazer as escolhas que estão alinhadas com o seu coração, afinal tudo o que você escolher fazer, você terá de passar por todos os degraus. Não dar pra chegar no topo da escada, sem antes passar por cada degrau. Então treine a sua paciência. É importante curtir o processo, a caminhada. E não ficar ansioso pela chegada. Até porque, se você só pensar na chegada, com certeza não fez a escolha de seu coração e consequentemente, está no caminho errado, e não gosta do que faz. E ta tudo bem também em descobrir isso. Nunca é tarde. O pior é viver uma vida sem nunca se questionar. Quando você faz o que não gosta, normalmente acaba se cansando muito mais rápido, e com mais frequência, já se você ama o que faz, nem se percebe fazendo as vezes, de tão conectado que você está.
Já parou pra se perguntar: O que você faz com tanta facilidade, que muitas vezes nem se percebe fazendo ? Você faz todos os dias? 
Provavelmente, seu propósito esta aí nessa sua resposta, por mais esquisito que isso pareça ser. Pense um pouco, e tudo fará sentido. Não tem problema se você demorar pra responder, mas é muito importante que você pense sobre isso. Sabe porque ? Se você gosta do que faz, então consequentemente curte muito mais a caminhada, e você nem pensa nela. Apenas caminha curtindo a sensação de fazer aquilo que está fazendo. E, por mais que tenham momentos muito difíceis, você sempre chega lá. Você irradia brilho e a consequencia disso é o sucesso verdadeiro. Sabe o que é entrar no fluxo? É quando você faz o que ama e as coisas começam a acontecer como mágica, e quando as dificuldades aparecem, você tem prazer de criar as soluções. Dificilmente alguém que está no fluxo encontra pedras no caminho, até porque quando encontra, não vê. Se a pedra aparece no caminho, a pessoa que está no fluxo enxerga como uma oportunidade de tornar o seu caminho muito mais emocionante. É, tudo depende dos olhos de quem vê. Por isso dizem, que quando você muda, o seu mundo muda com você. Pergunta pra uma pessoa qualquer o que ela acha do mundo, das pessoas, da vida, e você saberá exatamente o que ela sente, e guarda dentro dela. Se a pessoa ve o mundo como ostil, ela tem sido ostil com ela mesma. Se ela vê o mundo como amoroso, apesar das dificuldades, ela tem muito amor dentro dela. E, assim é. Simples assim.
Quando você luta muito por algo, nada acontece. Porque a vida não pode ser uma luta. Se você se esforça pra ter as coisas, e nada vê como resultado, talvez tenha chegado a hora de repensar se é isso mesmo o que você quer ou se apenas faz isso pra alimentar seu ego e evitar de ouvir criticas das pessoas. Você prefere manter a pose e continuar na sua zona de conforto? Até porque mudar a sua vida do nada requer muita coragem, e confiança em você mesmo, né?
 
Não se esqueça: As pessoas sempre vão falar, e muito. Por isso, a importância de estar firme com o que quer. Assim tudo fica bem. E você segue seus planos como quer. A opinião alheia não muda seus planos. Não viva eternamente a sua vida, preocupado em agradar os outros. Eles estão preocupados com as suas respectivas vidas, e quando dão algum conselho, é só mais um conselho para eles. É só se lembrar do dia que você deu algum conselho para alguém. Você sempre diz o que acha que é certo, mas não fica remoendo aquilo e preocupado se a pessoa vai te ouvir ou não. E mesmo que, se por alguns segundos você se pegou preocupado com alguém, logo aquela preocupação dá espaço para as suas ocupações do dia a dia, e você volta a ficar preocupado com as suas coisas, e a pessoa do outro lado provavelmente estará remoendo, pensando e repensando no conselho que você deu. O mesmo acontece, ao contrário.
Tem uma maneira fácil de descobrir se você está feliz com o que esta fazendo. Se alguém de fora vier dar uma sugestao de como melhorar seu trabalho, ou seu relacionamento, seu projeto, se você ver aquela sugestao como uma oportunidade, aí sim você está no caminho certo, agora se aquilo te incomodar, te causar uma certa irritação, realmente chegou a hora de se questionar, dar uma pausa, respirar, e decidir se vai continuar aonde está, se vai avançar/seguir em frente/ ou se vai transformar aquela situacao, mudar apenas o formato de seu trabalho. Nem sempre precisamos fazer mudanças bruscas. As vezes, o que precisa ser feito é um pequeno reajuste.
Foi o que eu fiz. Não estava feliz com a minha carreira. Ninguém poderia imaginar, afinal tudo estava caminhando tão bem, e ainda está. Eu só não estava mais afim de gravar as músicas que estavam na moda. Eu queria fazer as que tocavam o meu coracão. Um repertório atemporal era o meu desejo, e então coloquei as mãos na massa, e a caminhada se tornou muito mais prazeirosa. Eu, que sempre levei na mala a minha tamanha ansiedade, apenas a deixei pra trás porque já não me servia mais, e no espaço vazio que ficou, resolvi dar carona pra paciência, pra calma. As vezes, é um pequeno reajuste que te faz entrar no trilho do trem novamente, pra continuar a sua prazeirosa caminhada.
O cansaço apressa decisões. Não o deixe definir o seu caminho.
 
Bruna Pinheiro 
Percebo que hoje em dia as pessoas estão muito vulneráveis e tudo está muito descartável, relacionamentos, hobbies, sonhos, vontades, ambições. Não estamos tendo tempo de sonhar, realizar uma conquista e já partimos para outra sem usufruirmos nada. O consumismo consumiu nossos padrões, e estamos presos aos hábitos frenéticos de compras de quinquilharias, sem nem sabermos o porque. E isso vale para nossos sonhos.
Tenho uma teoria de que isso vem acontecendo por que a vida está muito frenética. Temos que cada vez sermos mais rápidos e eficientes, que trabalharmos mais horas ao longo do dia, da semana. É bonito dizer que somos funcionários 24/7. Nossa cabeça a milhão não nos permite assimilar muito, menos ainda, assentar nada. Vamos ao banheiro com o celular na mão, comemos com o celular na mão, deitamos com o celular na mão, dirigimos falando no viva voz. Nem mais as necessidades vitais estão sendo supridas sem sermos multi tarefas. E isso acelera nosso pensamento, não nos permite sentir nosso corpo, nosso coração e nossas vontades. Viramos robôs e reféns da velocidade que está nos estagnando.
A vida corrida está fazendo com que as pessoas percam rapidamente seus interesses pelas coisas, a ansiedade não mais permite nos entregarmos e aproveitarmos. Recebemos mais de 5.000 estímulos publicitários por dia, a soma chega a quase 25.000 estímulos informativos. O que representa cerca de 3 diferentes informações por segundo. Como queremos nos concentrar ? E mais ainda, nos envolvermos ? Se você escala o Monte Everest, tudo o que irá pensar quando chegar é em fazer sua selfie e sair correndo de lá. Estamos escondidos por trás de telas, vendo o mundo por trás de lentes, filtros e máscaras. Como criar conexões humanas dessa forma? Mesmo que estejamos falando em conexão com nós mesmo, em evolução de auto-estima, auto conhecimento e auto controle. Nem temos mais tempo de nos olharmos no espelho.
Muitas vezes cansamos, desistimos ou desmotivamos, porque simplesmente estamos exaustos. Cansados de tantos estímulos, de tanta informação, preocupação, que nem sabemos mais o que queremos. Achamos que sabemos, mas se estamos exaustos não estamos no fluxo, e se não estamos no fluxo, estamos na direção contrária de nosso propósito. Aprenda a descansar, a se conhecer, não a desistir.
Reavalie dentro de você suas habilidades, veja se está fazendo o que você gosta ou o que simplesmente te trará dinheiro. Será que você é medico ou engenheiro porque seu pai um dia achou que esse seria um caminho promissor para você? Vicê faz o que você gosta? Ou o que acha que o outro gostaria que você fosse? Porque, quem irá se levantar todos os dias da cama com motivação, ou sem motivação nenhuma, é você.
Se vc fizer o q gosta, dificilmente irá se cansar. Os maiores bilionários do mundo, segundo levantamentos da Forbes, trabalham 12 horas por dia porque amam o que fazem, e não se sentem trabalhando.
E o mais triste é que as pessoas costumam desistir quando estão à um passo de chegarem onde gostariam. Infelizmente a maioria das pessoas não tem persistência, resiliência e não sabem o de querem chegar, sequer para onde estão indo. Se conhecem menos ainda. E com isso, a qualquer frustração, descontam em quem está por perto. Querem vencer, mas não querem trabalhar, ou colocar as mãos na massa. Pense nisso.
Camila Chagas