Taboão da Serra perde mais uma e está fora da 2ª Fase.

Na tarde desta quarta-feira, (21), o Estádio Ulrico Mursa, em Santos, foi o palco do jogo válido pela 18ª rodada, a penúltima da fase de classificação do Campeonato Paulista Série A-3. O Tricolor da serra, vinha de derrota diante do Atibaia, por 2 a 1, resultado que afastou a equipe da Grande São Paulo da zona de classificação, para a próxima fase, terminando a rodada no 11º posto e jogava uma cartada definitiva visando uma vaga na próxima fase da Série A-3.

O jogo

Quando a bola rolou no Ulrico Mursa, debaixo de muita chuva, os donos da casa se mandaram para o ataque e logo aos 3 minutos, depois de cobrança de escanteio de Palinha, apoiador camisa 11, Magrão, centro avante camisa 9, ajeitou de cabeça e encontrou no primeiro pau, o esperto meia atacante camisa 8, Renan, que só teve o trabalho de desviar para as redes de Ricardo Berna, Santista 1 x 0 Tricolor.

A Briosa, tinha muito apetite e não demorou a ampliar a vantagem na disputa, aos 12 minutos,  Palinha, armou o contra ataque Luso, e não sofreu combate até chegar na entrada da área Serrana, então rolou a pelota para Renan, que limpou a marcação e bateu pro gol Ricardo Berna se atrapalhou e aceitou; Briosa 2 x 0 Cão Pastor.

O time da baixada, seguiu pressionando e ainda perdeu boas chances de marcar o 3º, nos pés de Renan; Magrão e de Rafael, apoiador camisa 7, mas Ricardo Berna evitou a queda de sua meta; enquanto isso o CATS tentava sem sucesso ameaçar a meta do goleiro Cleyton da Portuguesa, Final da 1ª etapa; Briosa 2 x 0 Taboão da Serra.

Na volta para o segundo tempo, o time praiano manteve a posse de bola e atacava em busca do 3º gol, e a chance mais clara do jogo veio aos 26 minutos, depois do ataque rubro-verde, Magrão recebeu de Palinha, na área e se chocou contra o zagueiro Vinícius Conceição, camisa 3 e o árbitro sr. Ricardo Bittencourt da Silva, apontou a penalidade.

O próprio Magrão, pôs a bola debaixo do braço e assumiu a cobrança, enquanto os jogadores Tabuanenses cercavam a arbitragem, para reclamar da marcação, por fim a cobrança foi autorizada, Magrão partiu pra batida, mais Ricardo Berna, se redimindo do erro no segundo gol, fez uma grande defesa, evitando o 3º gol Santista.

O Cão Pastor, conseguiu a sua primeira oportunidade de marcar, somente aos 37 minutos, depois da cobrança de escanteio por Diego Souza, o meia atacante camisa 10, Fernando, o armador camisa 5, subiu na marca do pênalti e meteu a testa na bola, vencendo o arqueiro Cleyton; Lusa 2 x 1 Tricolor da Serra.

Animados com o gol os visitantes passaram a pressionar na busca pela igualdade, a Luzinha se retraiu e o jogo se tornou dramático, Caio, o apoiador camisa 7, o centro avante Cecel camisa 9 e Diego Souza, estiveram a um passo de empatar o jogo.

Mas aos 44 minutos, Palinha roubou a bola, saiu no contra ataque e cara a cara com Berna, chutou forte, o goleiro não segurou e no rebote o atacante camisa 13, Emerson, deu números finais ao encontro; A. A. Portuguesa 3 x 1 C. A. Taboão da Serra.

Encerrada a 18ª e penúltima rodada da fase de classificação do Campeonato paulista Série A-3 2018, a equipe do Cão Pastor, não tem mais chances de avançar pra  2ª fase da competição, pois mesmo que vença seu próximo compromisso, só chegará ao 27 pontos ganhos e o São Carlos F. C. já tem 28 pontos ganhos, e é o último na zona de classificação, o G-8.

Agora, o tricolor da Serra recebe no Estádio Municipal Vereador José Feres (o Canil do Cão Pastor), o E. C. Noroeste da cidade de Bauru, no domingo, (25), às 10:00h em partida válida pela 19ª e última rodada da fase de classificação do Campeonato Paulista Série A-3  2018. Rodada que terá todos os jogos realizados no mesmo dia e horário, segundo determinação da Federação paulista de Futebol.

(Créditos: O Curioso do Futebol)