RJ: Forças Armadas realizam operação na Rocinha pelo 4º dia consecutivo

Militares da Marinha, Exército e Aeronáutica continuam na comunidade da Rocinha nesta segunda-feira (25), em apoio aos órgãos de segurança pública do estado do Rio de Janeiro e na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).

Desde a última sexta-feira (22), 950 homens das Forças Armadas realizam uma operação de cerco, ocupando pontos estratégicos, de forma a liberar efetivos da Polícia Militar para atividades dentro da comunidade, em cumprimento a mandados de busca e apreensão e ações de prisão.

Além de ocupar os acessos, as tropas ajudam a controlar as estradas, o trânsito e o tráfego aéreo sobre o morro da zona sul da cidade do Rio de Janeiro. Para isso, são utilizadas 10 viaturas blindadas e helicópteros das Forças. De acordo com o Comando Militar do Leste, as tropas também podem fazer “revistas necessárias, respeitadas as normas de conduta e boa educação”.

O apoio dos militares continuará na Rocinha por tempo indeterminado, até que a situação seja estabilizada em prol da segurança da população. A Polícia Militar também realiza duas operações para tentar prender os envolvidos na disputa pelo comando do tráfico de drogas no morro da Rocinha. Homens do Batalhão de Choque fazem incursões na comunidade.

Aos poucos, a normalidade é retomada no local. Durante a madrugada, não houve confronto entre as forças de segurança e traficantes de drogas. O comércio mais próximo da autoestrada Lagoa-Barra está aberto, e as pessoas já saem de casa para trabalhar.