Apenas com Doria na disputa, PSDB faz prévia para candidato à prefeitura de SP

O PSDB da capital paulista decide hoje (20) quem será o candidato à prefeitura da cidade nas próximas eleições municipais em outubro. O pré-candidato João Doria é o único nome que participa da disputa, já que Andrea Matarazzo, classificado no primeiro turno para a votação de hoje, desfiliou-se do partido na última sexta-feira (18).

O deputado federal Ricardo Tripoli, terceiro colocado no primeiro turno das prévias, demonstrou desinteresse em participar da segunda fase da disputa, segundo a executiva municipal do PSDB. Dessa forma, os filiados ao partido em São Paulo têm apenas três opções de voto hoje: João Doria, branco ou nulo.

Estão aptos para a votação – iniciada às 9 horas e com previsão de encerramento às 16 horas – 27 mil filiados do PSDB em São Paulo. As urnas estão dispostas em 58 locais pela cidade. A apuração dos votos acontecerá na Câmara Municipal de São Paulo. O resultado deve ser divulgado hoje à noite.

As eleições prévias dividiram o PSDB. Matarazzo tinha o apoio do senador José Serra e do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso. Doria conta com o apoio do governador Geraldo Alckmin.

Tumulto

No primeiro turno das prévias, no último dia 28, militantes se envolveram em uma discussão no diretório do Tatuapé, na zona leste de São Paulo, que resultou em uma urna quebrada e duas pessoas agredidas. Segundo o delegado do diretório, Albino José Serqueira, a confusão ocorreu entre apoiadores dos candidatos Ricardo Tripoli e João Doria.

(Créditos: EBC)

'