Taboão da Serra se garante nas quartas de final em jogo eletrizante no Canil

Com um show do veterano avante, Beto Acosta, que marcou 3 vezes, o Cão Pastor antecipou sua passagem à 2ª fase da Série A-3 2017.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O Tricolor da Serra, vem surpreendendo nesta edição 2017 da Série A-3 do Paulistão, a equipe que entrou na competição apenas devido à desistência da equipe do Atlético Sorocaba,  esperava fazer modesta campanha,  e torcer para permanecer na divisão; e o começo do time no certame foi mesmo tumultuado.

 

O Cão Pastor, foi derrotado nas 3 primeiras rodadas, e na 4ª empatou com o Flamengo, em 2 gol no Canil, após a partida o técnico Axel, pôs seu cargo à disposição do Presidente Anderson Nóbrega, porém este  não aceitou a demissão do treinador, e parece ter feito certo.

 

Com moral, Axel Arruda aprimorou a equipe, começou a obter bons resultados, o time começou a escalar a tabela de classificação e na 18ª rodada, depois de derrotar o Monte Azul com grande autoridade por 4 x 2, obteve a sua qualificação para fase seguinte num jogo simplesmente eletrizante.

 

O jogo:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A partida começou de maneira diferente e singela, em apoio a causa do Autismo, o clube recebeu a instituição Borboleta Azul, que presta assistência à crianças que sofre desta síndrome, inclusive o ponta pé de início, foi dado por destes meninos; uma belíssima homenagem aos meninos, que acompanharam todo o jogo das arquibancadas do Canil.

 

Quando a bola rolou no gramado sintético do Canil do Cão Pastor, quem tomou conta das ações foram os donos da casa, que ficavam de posse da bola e os visitantes se retraiam e buscavam explorara os erros da equipe Tricolor.

 

Mas na pressão, o time de Taboão da Serra, chegou ao seu primeiro gol aos 24 minutos, depois de uma cobrança de lateral na área,  o meia Gualberto, camisa 8, tentou o chute, mas foi travado na hora H, a bola se ofereceu na confusão. o apoiador Caio, camisa 7, aproveitou o rebote e meio de cintura, meio de coxa, pôs o Cão Pastor na frente; Tricolor 1 x 0 Azulão. Placar final da primeira fase.

 

No início do 2º tempo, o time visitante voltou, propondo o ritmo do jogo, pressionando a zaga bem postada do Tricolor, em busca da igualdade, que não demorou a acontecer; aos 14 minutos saiu o gol do Azulão; o ataque Interiorano envolveu a zaga Serrana, a bola cruzou toda a extensão da área de Thiago e encontrou o Lateral camisa 6, Renan, que só teve o trabalho de escorar pro fundo do gol tricolor; Taboão 1 x 1 Monte Azul.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A partir deste momento, surgiu o homem que iria mudar a história da partida; o experiente atacante uruguaio Beto Acosta, passou a ser  o diferencial em campo; nem bem os poucos torcedores do Monte Azul tinham começado a comemorar a igualdade, quando um minuto depois (aos 15), o zagueiro Vinícius Costa, camisa 4, efetuou  uma enfiada de bola precisa, o centro avante recebeu de frente com o goleiro Wander e com autoridade, desviou pro fundo do gol; Tricolor da Serra 2 x 1 Monte Azul.

 

O insaciável atacante uruguaio, gostou de fazer gol e não demorou a repetir a dose; aos 24 minutos, numa rebatida da zaga do Azulão, a bola se ofereceu ao meia atacante Gualberto, que descolou um passe maravilhoso pelo alto, o veterano  atacante meteu forte a testa na bola, Wander meteu a mão esquerda na bola que tocou no travessão e voltou para o campo de jogo, para Acosta, meio de peito, meio de barriga, botar pra dentro, o craque foi ao alambrado e extravasou toda a sua alegria junto com a torcida.

 

Mas os visitantes, estavam longe de se entregarem campo, e numa cobrança de escanteio, já nos acréscimos, (46 minutos), a defesa do tricolor não conseguiu cortar o lance e a bola se ofereceu livre para o centro avante Elton, camisa 9, que  só escorou de pé esquerdo, para vencer Thiago e encostar no placar, Cão Pastor 3 x 2 azulão.

 

O jogo se tornou nervoso, os jogadores passaram a trocar entradas ríspidas e o tricolor partiu para a cera, o que rendeu diversos cartões amarelos, ( mais 5 no total), o juiz o sr. Cesar Luiz de Oliveira, deu 8 minutos de acréscimos, o que encheu de ânimo, a equipe visitante, que partiu com tudo na busca pela igualdade no marcador.

 

Mas Acosta, estava em uma tarde  inspirada e  recebendo um bom passe do zagueiro Willian, camisa 6,  da esquerda,  da entrada da pequena área Azul, atirou um balaço, com a perna direita e pôs o Cão Pastor na fase de Quartas de finais do Campeonato Paulista Série A-3, com uma rodada de antecedência

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Agora, o Taboão da Serra pega a equipe do Paulista F. C. que já está rebaixada, em jogo válido pela 19ª e última rodada de classificação do Campeonato Paulista de Futebol, Série A-3, no próximo domingo, (16), no estádio de nome imponente, o Estádio Municipal Dr. Jayme Pinheiro de Ulhôa Cintra; ou como é mais conhecido o Jayme Cintra.

 

Ficha Técnica:

http://2016.futebolpaulista.com.br/sumulas2.php?cat=46&cam=76&jog=172&ano=2017

 

Leia mais sobre o Cão Pastor em:

www.blogvalentecaopastor.blogspot.com.br/

Yes we CATS

Pega eles Cão Pastor.

'