Bombeiros localizam helicóptero que caiu próximo a Jundiaí

Os bombeiros localizaram na manhã desta segunda-feira (26) os destroços do helicóptero que caiu próximo a Jundiaí, no interior de São Paulo. Não há sobreviventes, segundo a Força Aérea Brasileira.

A aeronave estava desaparecida desde domingo (25) e foi localizada por volta das 8h desta segunda. Cinco pessoas estavam no helicóptero e iam para Americana, no interior do estado, para jogar tênis.

“Em função das condições de visibilidade e das características geográficas da região, foi deslocado um helicóptero Águia da Polícia Militar de São Paulo para o local, que confirmou que se tratava dos destroços da aeronave desaparecida e que, lamentavelmente, não há sobreviventes”, diz nota da FAB.

Uma equipe do Quarto Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (SERIPA IV) foi deslocada para o local da ocorrência para iniciar as investigações sobre o acidente.

A aeronave perdeu contato na região de Cajamar, próximo ao pedágio da Rodovia dos Bandeirantes, no sentido interior.

A Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) informou que a documentação do monomotor estava em dia, tanto o certificado de aeronavegabilidade, quanto o documento de inspeção anual de manutenção. O modelo estava em nome de SAFRA, tem capacidade para até 2.268 kg e 6 pessoas (incluindo o piloto).

O Bom Dia Brasil informou que o helicóptero era de propriedade de Alexandre Costa, fundador da Cacau Show, e do empresário Geraldo Vagner de Oliveira. Em nota, Costa informou que vendeu sua parte na aeronave para Oliveira, embora ainda não tenha recebido o valor de sua parte, nem alterado a documentação do veículo.

O pré-candidato à Prefeitura de São Paulo pelo PRB, Celso Russomanno, afirmou em sua página no Facebook que amigos dele estavam no helicóptero.

“URGENTE, POR FAVOR COMPARTILHEM!
Amigos de Caieiras e Região. Hoje às 8h07 da manhã, o helicóptero em que meus amigos estavam desapareceu e até o momento não tivemos nenhuma notícia, estava próximo ao pedágio da Bandeirantes, nesta região de Caieiras. Se vocês ouviram algum barulho, viram algum sinal de fumaça, ou movimento diferente na região, por favor entrem em contato com as autoridades e me avisem o quanto antes. Peço que compartilhem com todos que puderem. As famílias estão desesperadas. Seguem as fotos e nomes da piloto e passageiros. Helicóptero Bell 407, matrícula PR CBB. Piloto Josilde, Vagner Oliveira, Vagner Lanzoti, Oscar Marchini e Francisco Rebolo”, diz o post.

 

'